Login

Sugestões

Faça o login e visualize as sugestões

Usuários on line

Nós temos 1119 webespectadores online

Revista

Gestão Universitária

Amigos Amigos de Dalton Caldeira Rocha

As opiniões que aqui são expressadas não representam necessariamente a posição da Rede Mebox.
Os comentários postados são de responsabilidade única e exclusiva de quem os postou.

Amigos de Dalton Caldeira Rocha

Diego Henrique Magrin

Será que o site de sua Instituição de Ensino Superior está de acordo com a portaria nº 2.864 do MEC ?

Veja quais informações as IES devem manter atualizadas em seus sites: <a href="http://portal.mec.gov.br/sesu/arquivos/pdf/portaria2864-2005.pdf" rel="nofollow" target="_blank">http://portal.mec.gov.br/sesu/arquivos/pdf/portaria2864-2005.pdf</a>

Leandro Miranda de Azeredo

Parafraseando Paulo Freire, não há ensino sem pesquisa e pesquisa se não for para publicação.

Eleuzamar Maria da Silva

" Eu não posso mudar a direção do vento, mas eu posso ajustar as minhas velas para sempre alcançar o meu destino.(Jimmy Dean) "

Rodrigo Bouyer Ferreira

Boa tarde, colegas!
Todos já se ambientaram com a Portaria normativa 1 de 25 de Janeiro de 2013, que estabelece os prazos de abertura de protocolo de processos regulatórios no E-MEC?
O interessante é que a SERES passa a ter data para finalizar os processos, conforme prometido desde o ano passado. Será que esta Portaria vai "pegar"?!
Cordialmente,
Rodrigo Bouyer.

Gestão Universitária

G1 Globo.com - 14/08/2013 - Rio de Janeiro, RJ

Câmara aprova royalties para saúde e educação, e texto vai à sanção

Votação do texto foi concluída após acordo entre governo e líderes da Casa. Projeto destina 75% dos royalties para educação e 25% para saúde

Fabiano Costa

Após um acordo entre o Palácio do Planalto e líderes partidários, a Câmara dos Deputados concluiu nesta quarta-feira (14) a votação do projeto que destina 75% do total dos royalties do petróleo para a educação e 25% para a saúde. O texto, que já havia sido aprovado pelo Senado, segue agora para a sanção ou veto da presidente Dilma Rousseff.

Os royalties que serão destinados para educação e saúde se referem apenas aos novos contratos da União com comercialidade declarada a partir de 3 de dezembro de 2012. Royalties de campos em atividade há mais tempo, como nos estados produtores do Rio de Janeiro e Espírito Santo, continuarão a ser aplicados pelos governos estaduais.

O texto-base do projeto havia sido aprovado em julho pelos deputados, antes do início do recesso branco. Nesta quarta, após diversas reuniões das lideranças da Casa com ministros do governo Dilma, os parlamentares retomaram a votação e apreciaram os destaques (propostas de alterações no texto) que haviam ficado pendentes por conta de uma obstrução do PMDB e de parcela da base aliada.

Além das receitas dos royalties, substitutivo do deputado André Figueiredo (PDT-CE) garantiu que 50% dos recursos recebidos pelo Fundo Social – uma espécie de poupança formada por recursos que a União recebe na produção do petróleo da camada pré-sal – serão destinados para a educação.
O governo federal era contra o relatório de Figueiredo. Na proposta original do governo e ratificada pelo Senado, apenas seria aplicada em educação 50% dos rendimentos financeiros do Fundo Social, mantendo intacto o capital principal. Os deputados, contudo, preferiram a versão de Figueiredo, para destinar metade de todos os recursos do Fundo Social, não apenas os rendimentos.

Diante da resistência de André Figueiredo em modificar o texto, a própria presidente da República tentou convencer os líderes da base aliada a retomarem a proposta original que havia sido avalizada pelos senadores. As lideranças, entretanto, não abriram mão de utilizar parte do fundo do petróleo, em vez de somente os rendimentos, como defendia o governo.

Nesta manhã, os ministros Ideli Salvatti (Relações Institucionais) e Aloizio Mercadante (Educação) foram pessoalmente à Câmara tentar construir um acordo que impedisse os saques do dinheiro investido no fundo. Após horas de negociação, o governo aceitou votar o relatório de André Figueiredo que prevê a utilização de 50% do Fundo Social. Porém, ficou acertado com os líderes que o Executivo irá enviar futuramente ao Congresso Nacional um novo projeto de lei para tentar conciliar as propostas do PDT com as sugestões do Planalto.

“Como nós não temos recursos nos próximos quatro, cinco anos, imediatamente nós [governo] vamos apresentar uma proposta que garanta que no início seja o principal do fundo, em seguida o rendimento, para combinar as duas coisas. Haverá mais recursos no curto prazo, mas preservando a médio e longo prazo a ideia do Fundo Social, para dar estabilidade para a economia, para ter recursos para as futuras gerações”, anunciou Mercadante ao final do encontro com os líderes da Câmara.

Hildelano Delanusse Theodoro

Eleito Membro do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFMG !

Carlos Rodrigues

Ultima chamada!
Sábado agora, 15 set, DESvirtualiza BH, Status Café, Rua Pernambuco 1150, Savassi, BH, acesso livre, reserve seu lugar em http://cafezinhocomleite.ning.com/events/primeiro-cafe-em-minas-encontro-de-desvirtualizacao Acesso livre!

DIMENSÃO - Educação Superior

Lançamento do PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO DO PROFESSOR EDUCAÇÃO BÁSICA, com o curso de extensão gratuito em: DIMENSÕES DA NÃO-APRENDIZAGEM, Carga Horária: 20 horas. Público-alvo: Professores da Educação Básica das escolas públicas e particulares.....Vagas limitadas. Maiores informações: (77) 3454-2643

Tarcizo Roberto do Nascimento

OAB oferece notícia-crime contra estudante que atacou nordestinos no Twitter

Paulo Roberto Reis

. Acompanhe pelo Clippig educacional de amanhã as principais notícias sobre os Cursos de Direito

. Lista das IES suspensas

. MEC reduz vagas em quatro cursos de direito no DF

. Presidente da OAB diz que corte é 'positivo'

. STF nega inscrição de bacharéis na OAB sem Exame de Ordem

. Em Minas 1.314 vagas de curso cortadas

. 8 faculdades do PR foram afetadas

. Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil publica provimento alterando as normas e diretrizes do Exame de Ordem

. Faça seu cadastro no endereço: <a href="http://www.editau.com.br/produtos_clipping.php" rel="nofollow" target="_blank">http://www.editau.com.br/produtos_clipping.php</a> e receba gratuitamente

Suely Hase

Infelizmente a visão em relação à avaliação ainda não é a de formativa e diagnóstica.

MICHELLE ESPÍNDOLA

Publicação da Portaria Normativa 01/2013, estabelecendo calendário para protocolo de processos no e-MEC... Como se o próprio MEC conseguisse cumprir esses prazos de análise de processos. Temos processos parados há mais de 2 anos!
<< Início < Anterior 1 2 Próximo > Fim >>

Copyright © 2013 REDEMEBOX - Todos os direitos reservados

eXTReMe Tracker